O presidente Jair Bolsonaro assinou medida provisória, nesta terça-feira (31), que estabelece o salário mínimo em R$ 1039 em 2020, um aumento de 4,1% em relação ao valor atual, que é de R$ 998. A alteração seguiu a inflação e não teve ganho real.

O valor previsto anteriormente era de R$ 1031, mas com o aumento do índice inflacionário de dezembro, tendo como um dos principais fatores o preço da carne, a remuneração foi revista.

Segundo o Departamento Intersindical de Estudos Sócio Econômico (Dieese), em novembro, o salário mínimo necessário para suprir a necessidade dos trabalhadores deveria ser de R$ 4.021,39, mais de 4 vezes o mínimo atual, que é de R$ 998.

Fonte: VcarelaNoticias

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Digite seu nome aqui