Após o episódio em que um veículo de comunicação apontou os “erros” de português cometidos por Maria Julia Coutinho na primeira semana de comando do “Jornal Hoje”, a Globo teria demitido três funcionárias que passaram as informações, tentando prejudicar a jornalista.

De acordo com informações de Sônia Abrão, do programa “A Tarde é Sua”, da RedeTV!, as mulheres trabalhavam na produção do telejornal como pauteiras e não achavam Maju o perfil ideal para ocupar a bancada. Contudo, em contato com a Catraca Livre, a TV Globo negou as informações do colunista da RedeTV! e afirmou que as demissões nunca aconteceram.

Fonte: BahiaNoticias

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Digite seu nome aqui