Guerrero não entra em campo com a camisa do Flamengo desde o dia 19 de outubro. Desde então, foram meses de angustia durante sua suspensão ( por seis meses) imposta pela Fifa. Após fazer sua defesa na Corte Arbitral do Esporte (CAS), na Suíça, o camisa 9 vive a expectativa para enfim poder voltar a jogar futebol.

A expectativa do Flamengo, por ora, é de que Paolo Guerrero seja uma opção no banco de reservas, domingo, diante do Internacional, no Maracanã. No entanto, o departamento de futebol prega cautela, uma vez que o atleta está sem treinar desde sábado, antes de viajar para a Suíça. Ele retorna ao Rio de Janeiro apenas na véspera do jogo.

Pelo período sem treinamento e o desgaste da viagem, o natural seria não utilizar o jogador. No entanto, o caso é observado também pela imensa vontade do jogador de atuar novamente. Avaliações serão feitas no sábado, quando ele retorna ao Ninho do Urubu. Na Suíça, Guerrero deixou clara sua vontade e disse estar pronto para jogar.

A sanção imposta pela Fifa encerrou nesta quinta-feira. Caso a apelação da Agência Mundial Antidoping não seja acatada pelo CAS, Guerrero está totalmente liberado. De toda forma, enquanto o resultado final não é divulgado, ele tem a liberação para atuar pelo Flamengo diante do Internacional.

Conversas sobre renovação serão retomadas

Após a volta de Guerrero, o Flamengo espera retomar atenções para o processo de renovação do atacante. O vínculo se encerra em agosto. Há um desgaste entre os lados, que ainda buscam um denominador comum para o acerto.

O atacante peruano deseja um acordo maior, de três anos. O Rubro-Negro, por sua vez, desejava um vínculo até o fim do ano, mas trabalha a possibilidade de ampliar contrato até o fim de 2019.

Fonte : GloboEsporte

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here